Portuguese Chinese (Simplified) English French German Italian Japanese Russian Spanish
estadao

 

Uma projeção feita por professores ligados à Universidade de Campinas (Unicamp) para a evolução da pandemia de covid-19 no País apontou que, mantido o isolamento social na intensidade da primeira semana de junho, o Brasil conseguiria salvar mais de 6 mil vidas até 21 de junho - há mais de 37 mil mortos pela doença até esta terça, 9. Os números do trabalho, que surge no momento em que Estados e prefeituras afrouxam o isolamento - mesmo com a epidemia em expansão - projetavam também que um terço (34%) das pessoas salvas pelas medidas de morrer no período estaria em São Paulo; um quinto (21%) no Rio. Mais da metade (53%) moraria na Região Sudeste.

 

CLIQUE AQUI para ler a notícia completa!

uol

Uma projeção feita por professores ligados à Universidade de Campinas (Unicamp) sobre a evolução da pandemia de covid-19 no país apontou que, mantido o isolamento social na intensidade da primeira semana deste mês, o Brasil conseguiria salvar mais de 6 mil vidas até 21 de junho — há mais de 37 mil mortos pela doença até hoje.

 

CLIQUE AQUI para ler a notícia completa!

Matemática da peste

logo istoe

Compreender o padrão por trás do crescimento exponencial da Covid-19 é a maneira mais inteligente de criar um planejamento efetivo para combater a doença. Além dos médicos, a estratégia prevê o envolvimento de outros especialistas: os matemáticos.

 

CLIQUE AQUI para ler a reportagem completa!

 

logo record

Estabelecer esses diferentes cenários é o que propõe um sistema matemático para indicar o relaxamento do isolamento social para cada cidade.

 

CLIQUE AQUI para assistir a reportagem!

TV Cultura logo

Matemáticos da USP e da Unicamp desenvolveram um sistema que permite avaliar quando e com qual intensidade o protocolo de distanciamento deve ser implantado para não colapsar o sistema de saúde.

 

CLIQUE AQUI para assistir à reportagem! (a partir dos 50 minutos de vídeo)

 

agencia brasil

Pesquisadores do Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria propuseram um modelo de regimes de isolamento social diferenciados entre as regiões do estado de São Paulo.

Segundo o trabalho, cada cidade poderia adotar um regime mais adequado à situação da pandemia. “Nosso projeto vai de encontro ao desafio de desenvolver uma ferramenta que apresenta o nível de mitigação necessário para diferentes cidades em momentos diferentes, com o objetivo de aliviar o impacto sobre as atividades e ao mesmo tempo protegendo o sistema de saúde”, diz o artigo publicado na plataforma medRxi, ainda não submetido à crítica da comunidade científica. O trabalho é assinado pelos pesquisadores Paulo J.S.Silva, Tiago Pereira e Luis Gustavo Nonato.

 

CLIQUE AQUI para ler a notícia completa!

 

g1

Pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP), de São Carlos (SP), e da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) desenvolveram uma ferramenta matemática que permite avaliar quando e com qual intensidade o protocolo de distanciamento social deve ser implantado em cada cidade individualmente a fim de evitar o colapso do sistema de saúde, na pandemia de coronavírus.

 

CLIQUE AQUI para ler a notícia completa!

 

istoe dinheiro

Pesquisadores do Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria propuseram um modelo de regimes de isolamento social diferenciados entre as regiões do estado de São Paulo.

Segundo o trabalho, cada cidade poderia adotar um regime mais adequado à situação da pandemia. “Nosso projeto vai de encontro ao desafio de desenvolver uma ferramenta que apresenta o nível de mitigação necessário para diferentes cidades em momentos diferentes, com o objetivo de aliviar o impacto sobre as atividades e ao mesmo tempo protegendo o sistema de saúde”, diz o artigo publicado na plataforma medRxi, ainda não submetido à crítica da comunidade científica. O trabalho é assinado pelos pesquisadores Paulo J.S.Silva, Tiago Pereira e Luis Gustavo Nonato.

 

CLIQUE AQUI para ler a notícia completa!

 

globonews

A USP de São Carlos e a Unicamp fizeram uma pesquisa usando cálculos matemáticos para mostrar que tem lugar em que pode-se pensar num relaxamento da abertura econômica mais cedo e outros têm que manter uma taxa de isolamento ainda mais rigorosa.

 

CLIQUE AQUI para assistir à reportagem! (A partir de 1h40min de vídeo) 

 

rolling stone logo

Uma pesquisa da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), organizada pelo Prof. Paulo J. S. da Silva e pela pesquisadora Claudia Sagastizábalm do Instituto de Matemática, Estatística e Computação Científica, procurou calcular quantas pessoas o isolamento social contra coronavírus salvou no Brasil.

Os dados foram divulgados, inicialmente, no dia 7 pelos pesquisadores, e no dia 11 pelo Jornal Nacional. A pesquisa continuou, e os dados desta matéria foram atualizados na quinta, 14.

 

CLIQUE AQUI para ler a reportagem completa!

Página 1 de 3